29 junho, 2010

A minha vida e a tua entrada nela ;



São 19:15h, e eu decidi deixar as tecnologias por milésimos segundos e entregar-me de corpo e alma a um texto, que vai ser desenvolvido no meio da natureza. Encontro-me sentada numa rocha no meio do nada, num sítio agradável, calmo com imensos pássaros a chilrear, e numerosas árvores verdes, com espessos troncos castanhos. Agrada-me este lugar. É silencioso, e vê-se que os pássaros sentem-se felizes, e de repente PUM! Ouve-se um tiro surgido do nada, que afugenta todos os animais que aqui permaneciam há horas. Este acontecimento fez-me lembrar a maldade dos homens, mas depois de muito reflectir cheguei à conclusão de que poderia usar esta ocorrência para identificar a minha vida e a tua entrada nela. Ela mantinha-se calma, feliz e sem problemas e de repente apareces tu, que me afugenta a felicidade e me atrai os problemas. Foi isso que fizeste à minha vida: estragaste-a e arruinaste o que eu usufruía há demasiado tempo, um sentimento que eu construíra com demasiado empenho, o meu êxito.
Bem, não posso continuar neste lugar maravilhoso, vou voltar para casa, prometi que voltaria cedo, e já são quase 21:30h. Tenho que me apressar.

P.S: Da próxima vez que eu voltar aqui, só te peço que desapareças dos meus pensamentos por longas horas, para que eu possa usufruir de tudo o que existe neste lindo espaço.


14 comentários:

  1. Sobrevoa os teus sonhos. Vai até onde a imaginação jamais ousaria ir. Procura, não o que perdeste mas aquilo que queres encontrar.
    Muitas das vezes tropeçamos em algo e damos uma grande queda e quando nos levantamos somos pessoas diferentes. Por vezes temos que criar uma amnésia artificial para varrer certos pensamentos negativos.
    Tenho gostado muito dos teus textos, têm alma.

    ResponderEliminar
  2. Este texto alem de dizer uma grande verdade esta bem construido,sabes que mais melhoramiga tu escreves muito bem ,e não estou a dizer isto porque somos melhoresanigas ,digo isto porque e uma grande verdade.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. eu acredito no «para sempre», alguém fez-me acreditar.
    é preciso é muiita luta :$

    obrigada querida*

    ResponderEliminar
  4. isso é mesmo querido :$ obrigada, és um amor.

    ResponderEliminar
  5. Meu amor obrigada pelo comentario ,e olha saiste na net sem me dizer nada ,ou melhor eu nao sabia que tinhas ca estado.
    Amo-tee minha melhor (L'

    ResponderEliminar
  6. Obrigada querida!
    Adorei este teu texto :)

    Também estou a seguir!

    ResponderEliminar
  7. PEQUENINAA! Como o prometido é devido aqui estou eu para cumprir. Este texto faz ver a menina que eras e a mulher em que te tornaste. Estou a fugir um bocadinho ao tema referido, isso é porque tenho tanto para te dizer.. e apesar, de as oportunidades não serem poucas fica sempre, alguma coisa por dar a conhecer. E não se sabe quando não temos mais oportunidades. Antes que elas escassem, aqui vai a minha opinião sobre ti e sobre estas linhas.
    Não há dúvida alguma que és uma pessoa fantástica. Eu amo-te muito, e isso é tão pouco..
    Em relação ao post, dizer que gosto é muito relativo. Eu adoro! Entrega-te de corpo e alma em tudo aquilo que fazes, é assim que deve ser.
    Beijinho **

    ResponderEliminar
  8. Amor, não vou estar para aqui a fazer testamentos, tal como a Cátia!
    Eu não acredito em «e viveram felizes para sempre», mas acho que se tu quiseres podes dar sempro o teu toque de magia, para que as coisas se emendem e, que pelo menos dê para «e viveram felizes quase sempre»!

    ResponderEliminar
  9. e se eu te disser que escreves melhor que eu ? é mesmo possivel , acredita , :O . Adoro mesmo ver os teus textos , são sentidos , :o .
    - sempre que posso , és uma das minhas leitoras favoritas que eu visito , *-* .
    OBRIGDA por todas as palavras , :') .
    beijiinhos e boanoiite , :D .

    ResponderEliminar

Faz-me sentir que és única(o) pela beleza, pureza e sinceridade das palavras que transmites. Escreve com o coração e deixa-o encaminhar as mãos às teclas certas.